top of page

Sociedade Beneficente e Cultural Floresta Aurora

Atualizado: 24 de jul. de 2023


Em 1872, em pleno período de vigência da escravidão no Brasil, um grupo de jovens negros fundou, em Porto Alegre, no de 31 de dezembro, a Sociedade Musical Floresta Aurora, uma entidade que se tornou um dos clubes negros mais longevos do país.


Entre estes jovens e primeiros membros estavam José Manoel Antonio e Miguel Archanjo da Cunha. Muitos destes membros fundadores pertenciam à Irmandade do Rosário, como assinala a historiadora Liane Muller.


Em seu primeiro estatuto, do ano de 1874, a entidade era caracterizada como bailante e beneficente. Tinha entre seus objetivos a prestação de socorro a seus sócios enfermos, extensivo a suas famílias, bem como a assistência no momento dos enterros e, ainda, a compra de liberdade de seus associados e de seus familiares por meio da junção de pecúlio coletivo.


A Sociedade, na década de 1920, formou uma biblioteca e criou mecanismos de instrução de seus membros. Contou, ainda, com uma banda musical chamada Banda da Floresta Aurora. Ocupou vários endereços ao longo de sua trajetória e, segundo relatos de seus membros, sua nomenclatura teria surgido decorrente de sua primeira sede, localizada entre as ruas Floresta (atual rua Cristóvão Colombo) e Aurora (atual rua Barros Cassal). Posteriormente, teve sede nas ruas da Concórdia (atual José do Patrocínio), General Lima e Silva, Curupaiti e Avenida Coronel Marcos. Atualmente se encontra na Estrada Afonso Lourenço Mariante, na Lomba do Pinheiro.


Referências

MÜLLER, Liane S. As contas do meu rosário são balas de artilharia: irmandade, jornal e associações negras em Porto Alegre (1889-1920). 1999. Dissertação (Mestrado em História) – PUC-RS, Porto Alegre, 1999.


PEREIRA, Lúcia Regina Brito. Cultura e afrodescendência: organizações negras e suas estratégias educacionais em Porto Alegre (1872-2002). 2008. 450 f. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.


Sociedade Floresta Aurora completa 150 anos como referência à comunidade negra. Disponível em: https://www.ufrgs.br/jornal/sociedade-floresta-aurora-completa-150-anos-de-referencia-a-comunidade-negra/


37 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

ความคิดเห็น

ได้รับ 0 เต็ม 5 ดาว
ยังไม่มีการให้คะแนน

ให้คะแนน
bottom of page